CARO LEITOR: PARA OUVIR OS VÍDEOS, DESLIGUE O PLAY-LIST NO RODAPÉ DA PÁGINA. NAVEGUE COM A. M. O. R.

quarta-feira, 30 de novembro de 2011

TÃO FÁCIL DE FAZER FELIZ...!



Basta buscares e achar...
Palavras que te confortem,
que te amenizem a ponta de dor da saudade...
ou uma simples referência à tua alma ímpar,
à tua missão, ao teu legado,
à tua presença no mundo... 

Palavras que te tragam a certeza de que estou aqui...
de que nunca te deixarei,
haja o que houver... faça o que fizer...
A certeza de que te tenho na alma exatamente do jeito que tu és...
não importa se vestido de gênio ou de um reles mortal.

Basta esta certeza para que te sintas grato e me visites a janela todos os dias...
ao raiar do sol.
Sabes que isso me põe de pé,
mantém viva a minha fé no amanhã,
no belo amanhã que se desenha sob a Espada da Justiça de Miguel.

Sei que sentes falta da magia do palco... do calor da multidão...
Tanto quanto tens necessidade do sossego... do simplesmente existir sem arroubos...
És carente da efervecência do astro...
És carente de seres apenas um entre um monte de ninguéns.

És tão imenso que as limitações da nossa dimensão não te preenchem,
sequer te alcançam...
És Deus... és Homem...
És ancião... és menino...
És tão pleno que estás além da nossa compreensão.

Sei que o tempo se avizinha e que a Verdade se restabelecerá e prevalecerá...
Podes vir que te oferecei os braços, o aconchego, o acolhimento sem perguntas.
Nada precisas explicar... apenas entra, senta, te demores um pouco a me olhar nos olhos.
Não importa o passado, muito menos o futuro... só o que conta é a magia do momento.

Estarei aqui por ti, quando sentires o frio da solidão, da incerteza, da insegurança...
ou da saudade.
Estarei aqui por ti, quando o mundo estiver de costas e não conseguir te ouvir...
Estarei aqui por ti, não importa com que aparência te apresentes...
um Rei ornado em ouro... ou de pijamas... És apenas UM.

Sei que entendes o que digo...
Está escrito...
Nós escrevemos juntos esta HIStória.
God bless you!
I wait for you!


-o-o-o-o-o-o-o-o-o-



Este artigo é protegido por direitos autorais. O autor dá permissão de compartilhá-lo, através de qualquer meio, contanto que os créditos sejam incluídos, o nome do autor, a data da postagem e o local de onde se obteve a informação divulgado com o corpo da mensagem. É expressamente proibido sua comercialização sob qualquer forma ou seu conteúdo adulterado ou parcialmente divulgado (trechos da mensagem) ou utilizado para base de qualquer trabalho sem permissão prévia do autor. Sempre incluir o endereço eletrônico do site oficial no Brasil: http://www.almaceltica.blogspot.com/.

terça-feira, 29 de novembro de 2011

MICHAEL JACKSON
EM JULGAMENTO OUTRA VEZ

Parte I

Escrito por Rev. Barbara Kaufmann
(Tradução Maíra)


No "julgamento do século", a acusação descansou, a defesa descansou, o júri pode descansar agora que estão dispensados. Quando é que Michael Jackson começará a descansar? Para a mídia isso não foi o julgamento de homicídio de Conrad Murray, foi "O Julgamento de Michael Jackson- morte". E grande parte do tempo, Michael Jackson, apesar de morto, esteve em julgamento.

Michael Jackson não foi tratado como um ser humano, mas como uma vaca de dinheiro. Sua morte não mudou isso. A exploração de Jackson foi legião. Por conhecidos, ajuda contratada, colegas, a indústria da música, o sistema de justiça, por famílias que procuram bolsos fundos, por puxa-sacos, bajuladores e, especialmente, pela mídia. Milhões foram feitos com a marca Jackson. O que o público não sabe, é como foi cínica e deliberada a exploração. O autor Joe Vogel, escreveu sobre o abuso cultural generalizado de Jackson em um artigo recente intitulado “Eu Sou A Besta Que você Visualizou?"

A última traição é um documentário de Conrad Murray, o mesmo doutor condenado por matar Jackson. Murray, acusado de homicídio culposo, fechou um acordo dois anos atrás com October Filmes para um documentário sobre o relacionamento dele com Jackson e seus últimos dias. Família e fãs estão perguntando como poderia a NBC, em sã consciência, produzir e transmitir um filme que explora Jackson, mais uma vez após a morte e pela própria pessoa responsável por essa morte? Murray fechou um contrato quando Jackson era colocado para dormir.

O documentário inclui cenas de "quartos particulares" na casa de Jackson, com clipes reconhecidos como fotos de Neverland Ranch tiradas em 2003, após os assistentes do xerife terem invadido e vasculhado-a. As mesmas fotos, originalmente usadas para induzir a opinião sobre os hábitos particulares de Jackson, fizeram seus caminhos no "documentário" de Murray, juntamente com alguns comentários artificiais projetados para denegrir Jackson, enquanto elevava Murray. Como é honesto um filme e suas intenções, quando habilmente editados para o impacto e as avaliações? Reminiscência do Living With Michael Jackson, (Vivendo com Michael Jackson)de Martin Bashir, transmitido pela MSNBC, outro filme habilmente editado, chamado de “documentário golpe de sucesso” que foi cinicamente produzido para avaliações e lucro, foi refutado posteriormente pela própria equipe de Jackson, que gravou as imagens simultaneamente com a equipe de Bashir. O documentário de Murray contornou o sistema de justiça, permitindo o testemunho que ele se recusou a dar no tribunal, apesar da busca frenética de uma família por respostas sobre o que aconteceu com um de seus entes queridos morto, Michael.

O julgamento de Conrad Murray, por homicídio involuntário, tornou-se "O Julgamento de Michael Jackson Morte”, porque a mídia há muito tempo aprendeu que ligar o nome de Jackson a qualquer coisa, aumenta os lucros. Pessoas promoveram cinicamente suas próprias infâmias, ainda vinculando-se a Jackson sabendo que estórias negativas sobre ele aumenta a atenção. Repórteres inventaram estórias e não ficaram de fora do jogo com fins lucrativos, a tendência atual mídia logo seguiu o exemplo. Um grande segmento da população ainda acredita na caricatura tabloide de Jackson e nas acusações das quais ele foi exonerado.

E eles erroneamente acreditam nos auto-proclamados "especialistas em Michael Jackson", que nunca sequer conheceram o homem e têm uma agenda e uma razão para perpetuar a caricatura mito, para evitar a exposição de suas traições do passado, usam um ser humano com fins lucrativos e para futuras carreiras. A propaganda sobre Jackson diz mais sobre o escritor do que sobre seu assunto. Nick Davies, na exposição Flat Earth News, afirma que o público ficaria enojado com a tática cínica da mídia e de como eles manipulam para que o á la jornalismo tablóide torne-se a tendência atual.

Fãs de Michael Jackson, que têm tentado alertar os consumidores durante anos sobre a agenda racista e exploração da mídia de Jackson, emitiram um comunicado esta semana: "Os fãs de Michael Jackson tiveram o bastante. Ridicularizem-nos, se você necessita, chamem-nos nomes, dizem-nos que apenas pensamos em Michael como um “ídolo”, mas não somos os que vendem sua memória, objetivando-o e fazendo dinheiro dele.” Eles convocaram um boicote à NBC e seus patrocinadores.

Murray pode ter administrado a dose fatal de veneno, mas o evenenamento da opinião pública sobre Jackson, pela mídia, foi implacável e prolongado. Será que a mídia torturou um homem até à morte por nada mais do que classificações e lucro? O homem mais famoso do mundo foi também o mais ameaçado. A campanha tabloidiana na exploração e linchamento de Jackson foi sem precedentes e durou décadas. Exploradores de Jackson vêm de todas as posições possíveis, desde faxineiras aos médicos e um rabino, guia espiritual, que publicou gravações de sessões privadas de Jackson, tudo para fazer um dinheirinho com a marca dele.

Os médicos ficaram ultrajados pelo tratamento irresponsável de Murray e sua violação às leis HIPAA e à confidencialidade do paciente. Eles acham inacreditável que um médico, agora criminoso condenado, contornasse a lei e testemunho em tribunal e tramasse um documentário para lucrar com o próprio homem que ele matou.

Os fãs, cientes de que a opinião pública sobre eles também tem sido manipulada, estão preocupados que o público continue a permitir que a imunda exploração da mídia contra figuras públicas e continuem enganados inconscientemente. Um fã escreveu:

"Nossas salas de estar não devem ser áreas de despejo de materiais imundos que tiram dos seres humanos não somente sua dignidade, mas sua própria humanidade. E os nossos no processo. Onde está o clamor público que diz “já chega”? As pessoas ficaram indignadas quando o escândalo de Rupert Murdoch, sobre telefones grampeados como primeira página das manchetes forradas de informações sensacionalistas infundadas; Onde estão eles agora? Transmitir esse documentário é vergonhoso.”

O jornalista britânico, Charles Thomson escreveu sobre a irresponsabilidade vergonhosa da mídia durante a cobertura do julgamento de Jackson em 2005, em uma composição literária chamada "O Episódio Mais Vergonhoso da História Jornalística".

Pode valer a pena ponderar por que um homem que parecia ter tudo, necessitava de tais medidas extremas para dormir. Por que ele precisava de medicação que não apenas o ajudasse a dormir, mas que o deixasse inconsciente a noite, para descansar? Como é que um vegetariano e purista que odiava as drogas passou a confiar nelas? Lembre-se, Jackson foi considerado inocente da acusação de exploração de crianças, mas a acusação iria manchar para sempre seu legado.

No entanto, o julgamento de Murray apresentou, nas palavras do próprio Jackson, seu sonho de construir um hospital infantil. Seu advogado, Thomas Mesereau, expressou preocupação sobre a imprudência de uma mídia tendenciosa, que capitaliza e exagera o drama para o lucro e avaliações, ele é acompanhado por outros advogados, como Matt Semino e Mark Geragos, que temem que o cultismo às celebridades e a manipulação da opinião pública pela mídia, venha prognosticar a justiça.

A autora Aphrodite Jones em Conspiracy: The Michael Jackson Story, Jermaine Jackson em You Are Not Alone: Michael Through a Brother's Eyes, e Joe Vogel com Man in the Music: The Creative Life and Work of Michael Jackson, assim com Armond White e outros, tentam firmar o registro honesto, contando a história verdadeira de Jackson com novos livros que contradiz o lixo das crônicas dos tabloides.

Mesmo hoje, poucas pessoas estão cientes de que em ambos os casos que acusam Jackson de prejudicar crianças, os mesmos jogadores aparecem: o promotor público apelidado de "Cachorro Louco", o mesmo advogado que recrutou e representou ambas as famílias de acusadores, o mesmo psiquiatra que relatou as acusações. Poucas pessoas percebem que esta gangue ainda socializam juntos. Tanto o FBI e os serviços sociais investigaram Jackson e não encontraram nenhum delito

Poucos compreendem o que realmente aconteceu a Jackson, porque a desumanização dele nos tabloides foi tão deliberada e a caricatura pintada completamente. Sua ruína causada pela opinião pública e pela mídia foi tão desanimador, a violação dos seus direitos civis pela aplicação da lei tão abrangente que deixou Jackson tão desanimado e desiludido que ele deixou sua pátria, o lugar onde um garotinho negro do interior da cidade foi feito para Hollywood.

O último insulto veio do tabloide Sun, de Rupert Murdoch, que publicou a foto de Jackson morto na primeira página na Grã Bretanha, com o apelido racista "Jacko", cuja origem descreve macacos e pode ser um insulto usado para aqueles de ascendência africana. Dentro de horas após a publicação dessa foto no HLN, extremamente sádicos e cruéis bullies enviaram uma cópia aos filhos de Jackson com a mensagem "Do Papai, com amor."

A segunda geração de Jacksons, incluindo os filhos de Michael Jackson, foram elas próprias vítimas de bullying, suas vidas, relacionamentos e paternidade feito pastos para as fofocas dos tabloides, porque os repórteres aparentemente, rejeitam a filiação legítima ou técnicas de fertilização para as famílias sem filhos, e consideram a alternativa de paternidade e parentalidade, de alguma forma aberrante. Máscaras em público os impediram de serem reconhecidos em parques de diversões, mais tarde, quando acompanhados por guarda-costas que substituiram um pai incapaz de acompanhá-los em passeios recreativos sem causar um circo na mídia e problemas de segurança para a polícia. No entanto, a opinião pública ridicularizou Jackson por proteger seus filhos desse dano.

Há aqueles que parecem insistir que as figuras públicas e suas vidas pertencem ao público, em vez de a si mesmas, que esperam estar a par de toda e qualquer informação privada, que sentem que as celebridades não têm direito aos mesmos direitos civis dos quais todos os outros gozam. E há aqueles que fuxicam para essas compulsões, quer seja verdadeiro ou não, para avaliações e lucros, fazendo ilegalidades em telefones, e o jornalismo talão de cheques pagam grandes somas por estórias. Quanto mais devassa a estória, mais zeros nos cheques para as estórias que lincham e retalham pessoas reais em primeiras páginas – para o lucro.

Adultos se perguntam em voz alta, onde as crianças recebem as ideias que parecem tão cruéis e sem coração? Enamoradas pela celebridade, as crianças imitam os mais populares e estão conscientes dos valores apresentados pelos adultos ao redor deles. A nova geração apenas tem redescoberto Michael Jackson após seu falecimento. Você acha que eles ingenuamente perderam o espancamento de Michael pelos tabloides? Onde é que eles aprendem bullying? Eles estão assistindo a mídia e nos assistindo!


Texto publicado no Blog: http://michael-iloveyoumore.blogspot.com/2011/11/michael-jackson-em-julgamento-outra-vez.html


Este texto, vocês devem copiar e repassar em seus sites e foruns, para que mais pessoas possam, de uma vez por todas, limpar o lixo mental que ingeriram e ingerem diariamente desse cancro universal chamado MÍDIA. 

segunda-feira, 28 de novembro de 2011

QUALQUER SEMELHANÇA...
NÃO É MERA COINCIDÊNCIA II


Olha o "7" aí de novo!

domingo, 27 de novembro de 2011

A GÁLIA DOS CELTAS (Irlanda)
BERÇO DA MAGIA QUE O MUNDO PERDEU


TRAZENDO A MAGIA DE VOLTA
God bless you, my mage!

sábado, 26 de novembro de 2011

BERÇO DA GRANDE SABEDORIA
QUE O MUNDO ESQUECEU


Do you "Remember the Time",
my Lord?


sexta-feira, 25 de novembro de 2011

O BERÇO DO AMOR
QUE O MUNDO NÃO ENTENDEU



(Para ouvir o vídeo: desligar o playlist no final da página)

quarta-feira, 23 de novembro de 2011

DEUSES EM GESTAÇÃO

"Vós sois deuses... Vós podeis fazer o que eu faço e muito mais" (Jesus de Nazaré)


Do mais ínfimo micro-organismo ao ser mais elaborado de que se tem conhecimento - o humano -, somos todos deuses em gestação, pois que somos originários da mesma partícula energética que produz vida: a centelha (ou sopro) divina. É isso que Jesus quis dizer com: "Eu e o Pai somos Um".

Os reinos em que estagiamos: mineral, vegetal, animal, hominal (até a terceira dimensão) e angelical (nas dimensões superiores) são apenas estágios ou etapas de um caminho comum a todas as criaturas.

Durante milênios fomos forçados a viver na mentira de que somos pequenos, de que nada podemos e de que precisamos de intermediários para chegar até Deus... um Deus desconhecido e inalcançável; um Criador eternamente apartado de suas criaturas. No entanto, tudo podemos Naquele que habita em nós.

Aprendemos que precisamos de muletas ideológicas, quando todas as respostas estão dentro de nós, tudo já está impresso em nossa alma.

Aprendemos a calar os sentimentos, que são a voz do coração, para dar ouvidos à nossa mente manipulada e iludida pelo cancro da dissociação e da impotência, que gera a irresponsabilidade e a indolência, tornando-nos predadores da própria raça.

O Códice Divino está em nós, porém, perdemos a capacidade de reconhecê-lo, na medida em que perdemos o contato com nosso Eu Superior e nos deixamos guiar pelo Ego. O Ego nada mais é do que a ausência da voz da alma em nossos pensamentos, sentimentos e atitudes. Alma é consciência; Ego é conveniência.

A onisciência, a onipresença e a onipotência divinas não significam que Deus está em algum lugar do espaço vigiando e anotando tudo que sentimos, pensamos ou fazemos. Esses  atributos divinos o são porque Deus está em nós, portanto sabe tudo de nós; Deus está em tudo, em cada átomo da criação. Nada no universo é separado, é dissociado.

O escravismo materialista jogou-nos em um sumidouro mental, utilizando apenas um hemisfério cerebral. Tornamo-nos robóticos como se fôramos guiados por controle remoto. Perdemos o contato com o hemisfério cerebral direito, o que gerou o bloqueio de atributos do Espírito como a intuição e a telepatia.

Toda essa ilusão injetada de que tudo está fora de nós nos fez acreditar incapazes, incompletos, indignos e errôneos... Acreditar nessa mentira é desacreditar da Obra Divina, é afirmar que Deus errou em sua criação.

Somos perfeitos em nossa essência, somos deuses em gestação, trilhando o caminho das experiências que leva à mestria e tudo que temos que fazer é voltar para Casa, ou seja, para o Coração, que é a morada de nosso Deus Interno.


2012 não é o fim, mas o recomeço...
destrave o coração 
estamos voltando para Casa!

-o-o-o-o-o-o-o-o-o-



Este artigo é protegido por direitos autorais. O autor dá permissão de compartilhá-lo, através de qualquer meio, contanto que os créditos sejam incluídos, o nome do autor, a data da postagem e o local de onde se obteve a informação divulgado com o corpo da mensagem. É expressamente proibido sua comercialização sob qualquer forma ou seu conteúdo adulterado ou parcialmente divulgado (trechos da mensagem) ou utilizado para base de qualquer trabalho sem permissão prévia do autor. Sempre incluir o endereço eletrônico do site oficial no Brasil: www.almaceltica.blogspot.com.



domingo, 20 de novembro de 2011

MESTRES QUE ANCORAM
A ASCENSÃO PLANETÁRIA

El Morya - Kuthumi - Nada - Serafis Bay - Hilarion -
 Maria Madalena - Saint Germain - Maria - Sananda (Jesus)

A grande aventura de "voltar para Casa"


"É uma aventura... É uma grande aventura... Somos uma família... Somos todos uma grande Família"
(Michael Jackson, in This Is It)

 Coming soon, 2012!
See you before then, Darling!

sábado, 19 de novembro de 2011

O LEGADO!

Os filhos e os fãs são o maior legado de Michael Jackson para o mundo...
Ele espera por nós... Que resposta lhe daremos?!


SOMOS UM * SOMOS TODOS UM

Thank you, Mike,
for making me a better person!

quinta-feira, 17 de novembro de 2011

MEU MAGO FEITICEIRO

 
Que feitiço é esse que me faz ficar rindo à-toa por um mínimo sinal teu? Que me faz romper madrugadas à tua procura?

Que feitiço é esse que me faz arder de ansiedade à tua espera, quando te escondes nas estrelas e me deixas órfã?

Que feitiço é esse que me arrebatas a alma sem que nunca te tenha visto ou tocado?

De onde aprendestes a magia de encantar as pessoas e fazê-las escravas do teu sorriso?

De que dimensão trouxestes para ti tanta beleza e carisma que não importa o rosto com que te apresentes sempre ofuscas o resto do mundo?

Que magia é a tua que o tempo não caleja e a distância não arrefece? Quem é que te esquece? Quem é que consegue te ser indiferente?

Que magia é a tua que apareces e desapareces sem que nada ou ninguém consiga te reter? Tu escapas pelas frestas da janela invisível do tempo e do espaço... e retornas sem ruídos ou espanto!

Que magia é a tua, Rouxinol, que me embriagas com essa voz doce... quase luxuriosamente inocente?

Por que caminhos me levas quando me falas no silêncio, quando visitas a janela do meu coração, para que eu nunca deixe de ter a certeza de que estás aí?


De tão mágico e surpreendente, tu não és tese, nem antítese, e muito menos síntese: és HIPÓTESE... um eterno não-sei-quê de indecifrável, indispensável e insubstituível.


Onde pretendes me levar com teu encanto, heim, meu Mago Feiticeiro?!

-o-o-o-o-o-o-o-o-o-



Este artigo é protegido por direitos autorais. O autor dá permissão de compartilhá-lo, através de qualquer meio, contanto que os créditos sejam incluídos, o nome do autor, a data da postagem e o local de onde se obteve a informação divulgado com o corpo da mensagem. É expressamente proibido sua comercialização sob qualquer forma ou seu conteúdo adulterado ou parcialmente divulgado (trechos da mensagem) ou utilizado para base de qualquer trabalho sem permissão prévia do autor. Sempre incluir o endereço eletrônico do site oficial no Brasil: www.almaceltica.blogspot.com.



terça-feira, 15 de novembro de 2011

QUALQUER SEMELHANÇA...

Símbolo Crístico da PAZ

NÃO É MERA COINCIDÊNCIA



NO COMMENTS!

sábado, 12 de novembro de 2011

O MUNDO EM CONVULSÃO...
E TRANSIÇÃO


Fenômenos climáticos sui generis estão aí, vistos e sentidos por todos, independentemente de que tenham ou não consciência da existência e do mecanismo do fenômeno.

O processo da inversão magnética dos polos, que promove os fenômenos físicos visíveis na natureza, também promove fenômenos internos no ser humano. Da mesma forma que as placas tectônicas se agitam e as oscilações climáticas se agigantam, também se operam mudanças na fisiologia humana. Nunca se ouviu falar tanto em viroses, quando, na verdade, virose é a sintomatologia diagnosticada do inexplicável. Nunca as doenças psíquicas estiveram tão em evidência de número e gravidade. Nunca, em nossa Era, os seres humanos agiram de forma tão estranha.

Se compreendermos que não somos dissociados e sim parte da natureza - somos UM, também compreenderemos que todo fenômeno que nela se opera, opera também em nós, física e psicologicamente. Tanto é verdade que as convulsões também se processam no campo das idéias, das mentalidades e dos sentimentos.

Os movimentos mundiais para a libertação das ditaduras, a exemplo do Egito e da Líbia; o movimento "Ocupe Wall Street" contra o sistema econômico-financeiro opressor, nos Estados Unidos; a desmistificação e desmantelamento das velhas crenças de incapacidade e exterioridade, a ver pela avalanche de canalizações dos Seres de Luz divulgadas em livros e na Internet, bem como o avanço das pesquisas e dos estudos sobre a verdadeira espiritualidade. São os primeiros acordes de um poderoso desejo coletivo de jogar fora todas as formas de escravidão, de restrição e de crenças limitadoras.

Está próximo o viver na energia quântica, a energia do poder espiritual, a supremacia da Alma sobre a mente, do Eu Superior sobre o ego, a redescoberta do Poder Divino imanente, da parceria divina do Todo Universal (Deus) e do poder que temos de criar e gerir nossos destinos.

As lendas assim o são pela nossa incapacidade de transcender a matéria densa e enxergar o mundo com os olhos do Espírito. Na visão do Espírito, todo o simbólico ou metafísico é real e a única ilusão é a matéria; não o contrário.

Quem diria que um dia Avalon, Arthur e as fadas sairiam dos livros de estória para se inserirem na história, no possível; portanto, no real. O invisível existe. O imponderável existe. A magia existe... em outras dimensões de consciência.



Meu estilizado e invencível
REI ARTHUR


Um Ser capaz de transcender as limitações da matéria e da consciência velada.

 
-o-o-o-o-o-o-o-o-o-

Este artigo é protegido por direitos autorais. O autor dá permissão de compartilhá-lo, através de qualquer meio, contanto que os créditos sejam incluídos, o nome do autor, a data da postagem e o local de onde se obteve a informação divulgado com o corpo da mensagem. É expressamente proibido sua comercialização sob qualquer forma ou seu conteúdo adulterado ou parcialmente divulgado (trechos da mensagem) ou utilizado para base de qualquer trabalho sem permissão prévia do autor. Sempre incluir o endereço eletrônico do site oficial no Brasil: www.almaceltica.blogspot.com.



sexta-feira, 11 de novembro de 2011

FELIZ ANO NOVO, HUMANIDADE!
PORTAL 11/11/11



Que as portas de nossos corações se abram para a Luz do Criador;

Que as janelas de nossas mentes se abram para dar passagem ao entendimento de nossas consciências expandidas;

Que sejamos capazes de espargir Amor e Sabedoria ao nosso redor; e contribuir para "curar o Mundo";

Que sejamos capazes de reconhecer nossos Mestres e desempenhar com firmeza nosso papel de discípulos amados;

Que venha a Luz... Que venha a Paz... Que venha a Consciência desperta... Que venha o Amor!

Obrigada, Michael, por me ensinar o que é ter LUZ
e o que é sentir AMOR


God bless and thank you, my MAS TER!

quarta-feira, 9 de novembro de 2011

OS CAMINHOS QUE ANDEI


Nem imaginas os caminhos que andei para alcançar a tua alma, essa gigantesca onda de Amor de chapéu Fedora.

A repentina curiosidade e sede de conhecimento sobre milenares civilizações dominaram-me completamente. Sem entender o significado de tudo isso, fui atrás dos devaneios de minha alma cigana.

Mergulhei no mundo mágico da cultura nórdica, fui até às Brumas de Avalon que escondem Rei Arthur, Morgana, fadas, duendes e gnomos.

Cheguei à mítica Gália dos Celtas, com seus dolmens e os misteriosos magos druidas; desci até o Egito dos Faraós, dos segredos da Esfinge e dos mistérios de Hórus. "Remember the time", my Lord?

Um pouco mais de tempo e cheguei à Grécia da deusa Athenea, do Olimpo e do grande Zeus, das peripécias de Hermes-Mercúrio - o mensageiro.

E essa viagem louca foi até Jerusalém, a sacrossanta Jerusalém, berço da Doutrina de Joshua - o Cristianismo primitivo; a mesma Doutrina pura e libertadora que nos trouxestes de volta na era atual, a Doutrina que vivencias diariamente a despeito dos espinhos que te atiram.

Fui às portas das grutas de Qunrãm, onde dormiram por milênios os Manuscritos do Mar Morto, cuja descoberta marca o início da dissolução da mentira.

E eu fui pessoalmente à maioria desses lugares, levada por uma necessidade irresistível de ver de perto, sentir a energia dessas paragens mágicas em contato direto com meu Ser.


Como em um passe de mágica, o véu da ignorância e da ilusão se rompeu e eu pude te ver inteiro...  "behind the mask"... na opulência do teu Espírito iluminado.

Como em um passe de mágica, comecei a entender a tua linguagem, a ler os teus símbolos, a decodificar os teus códigos: o códice de uma Verdade que não muitos podem alcançar e compreender.



Tu não imaginas os caminhos que andei para chegar até aqui e mostrar ao mundo quem verdadeiramente tu és.

-o-o-o-o-o-o-o-o-o-



Este artigo é protegido por direitos autorais. O autor dá permissão de compartilhá-lo, através de qualquer meio, contanto que os créditos sejam incluídos, o nome do autor, a data da postagem e o local de onde se obteve a informação divulgado com o corpo da mensagem. É expressamente proibido sua comercialização sob qualquer forma ou seu conteúdo adulterado ou parcialmente divulgado (trechos da mensagem) ou utilizado para base de qualquer trabalho sem permissão prévia do autor. Sempre incluir o endereço eletrônico do site oficial no Brasil: http://www.almaceltica.blogspot.com/.

domingo, 6 de novembro de 2011

UM PÁSSARO NA MINHA JANELA


Sábado! No afã de cumprir com as tarefas domésticas, no final de semana de quem trabalha fora, estava envolta na limpeza do meu pequeno bureau de estudos, quando um pássaro pousou no parapeito da janela.

Parei o que estava fazendo e fiquei olhando para aquela linda visita, passeando na minha janela e olhando para mim.

Sorrateira e silenciosamente, cerrei a vidraça para que ele não entrasse e se machucasse tentando sair, mas ao mesmo tempo temendo que voasse. Eu não queria perder aquela energia bonita.


Depois de algum tempo de contemplação mútua, ele se foi. Fiquei grata e continuei minha tarefa até chegar a vez de limpar a área de serviço.

Ao pressentir uma sombra na vidraça, lá estava ele - o mesmo pássaro, olhando para mim. As lágrimas vieram furtivas, emoções desencontradas e incompreensíveis. Ficamos nos olhando por um longo tempo, até que em um movimento lento e determinado, ele se virou de costas para a janela e voou.

Fiquei estagnada ali, num misto de surpresa, emocionada, grata e feliz.

Na manhã de hoje, debaixo do chuveiro, quase em uma atitude meditativa, me veio à lembrança uma frase do texto postado aqui, no dia 25 de outubro: "Meu amado Peter Pan... cantas na minha janela sem que eu possa te ver! Voas para outras galáxias, deixando-me órfã da tua presença...".


Fiquei rindo à-toa... até a próxima, meu AMOR!

sábado, 5 de novembro de 2011

RESGATANDO A INOCÊNCIA


"É fácil confundir ser inocente com ser ingênuo ou infantil. Todos queremos parecer sofisticados; todos queremos habilidades de sobrevivência. Ser inocente é não ser isso. [...] É ser simples e confiável como uma criança: nada de julgamento ou comprometido com apenas um ponto de vista. Se você está preso em um modelo de pensar e responder, sua criatividade se bloqueia. Você perde o vigor e a magia do momento. Aprenda a ser inocente novamente, e esse vigor jamais sumirá" (Michael Jackson, in Dancing The Dream).



Ser inocente passa longe de ser infantil. A inocência é o estado de pureza da essência, o jeito descomplicado de existir sem ser irresponsável ou negligente. Eu diria que é a única forma de ser feliz.

Inocência é a personificação da simplicidade, da naturalidade, da espontaneidade, da autenticidade, da não-manipulação. O inocente não julga, porque também não critica. O inocente não tem crença sobre nada e está aberto a todas as transformações e mudanças; está aberto ao novo. Em outras palavras: é flexível.

Inocência é não culpar e muito menos cobrar; simplesmente compartilhar sem expectativas.

Por isso se diz que a criança é inocente, pois ela não tem crenças, não tem códigos de comportamento pré-estabelecidos, não tem preocupação (pré-ocupação = ocupar-se inutilmente antes da hora), não pensa - portanto, não é escrava da mente; tudo para ela é novo, é explorável, é conquistável, é excitante. Vive somente o momento presente, como se não existissem ontem e amanhã; é sempre um papel em branco pronto para receber o conhecimento que sua curiosidade sadia lhe proporciona.


"Quando se está plenamente presente e desperto na verdade da vida, se está em um estado de inocência, existindo em um estado de não-conhecimento, como se estivesse experienciando e tocando tudo pela primeira vez." (Leonard Jacobson - 2010). Isso equivale dizer que resgatar a inocência é romper com a tirania da mente (passado) e entregar-se à vida vivida na realidade alegre do momento presente.


Inocência é não manipular para falsear uma imagem possível de aceitação coletiva. É bancar ser quem se é, mesmo sabendo que o mundo irá surrá-lo tentando fazê-lo encaixar-se nos padrões sociais, culturais ou religiosos.


Inocência é achar graça em desenhos animados, emocionar-se com um conto de fadas, ver beleza no desenho torto e incompreensível de uma criança, é ter lágrimas nos olhos e uma estranha sensação de felicidade só por estar de mãos dadas com o ser amado.


É preencher um álbum de figurinhas aos 50 anos de idade ou pisar a poça d'água só para ver o chão chorar para cima; é rir de si mesmo, soltar pipa, pular amarelinha, andar de roda-gigante sem se importar com o julgamento dos outros e sem medo de que ela possa cair... 


Geralmente, quando nos tornamos adultos, passamos a ter medo de viver porque tudo se torna perigoso, tudo configura risco = neurose! Passamos a temer o outro e nos isolarmos internamente, a temer a natureza e nos dissociarmos dela, a temer o castigo e nos distanciarmos da Divindade. O adulto mata o Deus que habita em si.


Inocência é ainda conseguir perceber e se inebriar com as cores de um por-do-sol ou a carícia de uma leve brisa; e principalmente ser capaz de agradecer pelo fato de ainda podermos usufruir dos benefícios do sol e do ar.

Resgatar a inocência é abandonar o ego, é desfazer a caricatura do aceitável, é desmontar a pressão de ser o que não se é para se encaixar na exigência do outro. É não querer mudar o outro para que se encaixe nos seus ideais de excelência.


É não ter medo de parecer ridículo, esquisito, fora da fôrma imposta pelo social; é rejeitar neurotizar-se para parecer adulto.


Resgatar a inocência é tirar a máscara de ferro do tenho que ser e simplesmente ser a máscara de ferro do normal e simplesmente ser natural.




SER INOCENTE É SIMPLESMENTE SER ASSIM...
NATURALMENTE LIVRE E FELIZ!

-o-o-o-o-o-o-o-o-o-



Este artigo é protegido por direitos autorais. O autor dá permissão de compartilhá-lo, através de qualquer meio, contanto que os créditos sejam incluídos, o nome do autor, a data da postagem e o local de onde se obteve a informação divulgado com o corpo da mensagem. É expressamente proibido sua comercialização sob qualquer forma ou seu conteúdo adulterado ou parcialmente divulgado (trechos da mensagem) ou utilizado para base de qualquer trabalho sem permissão prévia do autor. Sempre incluir o endereço eletrônico do site oficial no Brasil: www.almaceltica.blogspot.com.

terça-feira, 1 de novembro de 2011

I WANT YOU BACK, MY LORD!

I MISS YOU!


I HOPE YOU!


COMING SOON 2012!